5 dicas para aumentar a produtividade e bem estar no trabalho

O início de um novo ano chega e com ele aumenta a disposição das pessoas para alcançar objetivos e buscar mais satisfação. Uma nova chance de conquistar metas deixa as pessoas cheias de energia, sendo assim, essa é uma boa época para trabalhar ações de saúde e bem-estar nas organizações.

Quer dicas para aumentar produtividade na empresa? Veja as que preparamos e ajude os colaboradores!

As ações para aumentar produtividade e buscar o bem-estar nas empresas

A produtividade está diretamente relacionada ao bem-estar dos funcionários. Um profissional saudável e que esteja engajado com os objetivos organizacionais conseguirá obter melhores resultados em suas produções.

O RH tem um papel importante nesse aspecto, servindo de elo entre os gestores e os colaboradores, para que o planejamento delineado seja cumprido. Além disso, por ele estar bem próximo dos trabalhadores, ele tem a função de orientá-los e ajudá-los a adotar comportamentos mais frutíferos.

Para ter funcionários produtivos é necessário investir em sua qualidade de vida e satisfação. Treinamentos também podem ser úteis, de vez quando. No entanto, também existem pequenas práticas diárias que ajudam nessa finalidade!

1. Tenha metas estabelecidas

Isso é fundamental para ter uma visão mais ampla de tudo o que precisa ser produzido e do tempo necessário para cada tarefa. Essa é uma forma de ajudar, também, na organização das atividades, podendo ordená-las em uma hierarquia de urgências e prioridades.

Analise os objetivos mensais, divida-os em pequenas metas semanais e, ainda, se possível, em metas diárias. É muito mais fácil e estimulante olhar para um pequeno objetivo do que olhar para um grande. Além disso, cada realização tende a elevar a motivação para a conquista dos próximos.

2. Organize o tempo

Conseguir tempo para realizar todas as vontades e as responsabilidades é um desafio para grande parte das pessoas. Porém, tentar manter uma organização nesse sentido ajuda as pessoas a terem mais disciplina. Sendo assim, estipule um prazo para que cada meta seja atingida, isso incentiva a eficiência na realização.

Ter planilhas organizadas, com cada pequeno objetivo, com o tempo necessário a ser realizado ajudará a observar o andamento das obrigações e evitará que tudo se acumule para a última hora, virando uma bola de neve.

3. Controle o uso das redes sociais

As redes sociais podem ser boas e úteis se forem usadas da maneira correta. Porém, muitas pessoas não conseguem ter um controle no acesso, o que acaba colaborando para a procrastinação, a distração e, consequentemente, o atraso na produtividade.

Regras precisam ser estabelecidas e a empresa pode ajudar nesse sentido. Um firewall consegue bloquear o acesso a sites na organização e isso pode ser personalizado de acordo com as necessidades de cada instituição. Já para os smartphones pessoais, a dica é incentivar o download de aplicativos que controlam esse tempo perdidos com as mídias sociais, além de conscientizar quanto à importância de tentar manter esse autocontrole.

4. Faça descansos controlados

As pausas são necessárias para que o organismo descanse e a pessoa possa voltar com mais energias para continuar as tarefas. No entanto, assim como as dicas acima, aqui também deverá existir um controle, o que evitará perdas de tempo desnecessárias.

Pequenos intervalos, para um lanche, para um café ou mesmo para um bate-papo podem fazer uma grande diferença na concentração.

Cada colaborador funcionará de uma maneira diferente e, provavelmente o que der muito certo para um pode não dar para o outro. O ideal é que cada pessoa consiga ter um autoconhecimento dessa necessidade de descanso. Porém, o RH pode auxiliar, chamando a atenção para a importância disso.

É interessante ter um mente que um cérebro cansado renderá com uma eficiência muito abaixo de sua capacidade.

5. Arrume a mesa

Qual o estado das mesas dos funcionários na empresa? Para uma boa produtividade, é primordial um ambiente limpo e organizado. E a mesa faz parte desse ambiente.

Papéis precisam ser analisados, a fim de jogar fora tudo o que não for mais útil. O porta-canetas deve conter somente canetas que estejam realmente funcionando. Os demais itens só devem ficar em cima da mesa se forem essenciais para o trabalho diário, caso não sejam, gavetas e prateleiras podem ajudar.

Um pequeno objeto pessoal, como uma planta ou foto, se não tomar muito espaço, pode ajudar a melhorar a satisfação dos trabalhadores, por deixar o espaço mais a cara deles ou por fazê-los ter boas lembranças.

Esteja próximo dos colaboradores e observe qual a carência de cada um. Pequenas práticas para ajudar a aumentar produtividade também são válidas quando bem aplicadas.

Como o RH pode contribuir para o bem estar dos colaboradores?

Sabemos que o RH é um dos departamentos mais multitarefas da empresa, por isso, nem sempre é possível focar em ações internas para melhorar o bem estar, e, consequentemente a produtividade dos colaboradores.

É aí que Ô.Benefits entra, gerenciando a execução operacional de benefícios para que o RH possa focar nas ações estratégicas. A Ô tem expertise e apropriação de benefícios, por isso otimiza a qualidade dos serviços, reduzindo custos.

Contribua a qualidade de vida dos colaboradores no trabalho, conheça a Ô.Benefits.

 

 

 

Post a Comment